PT | EN | ES

12  Fabiano

2  Danilo

4  Maicon

3  Martins Indi (90+2')

26  Alex Sandro (43')

5  Marcano (45')

30  Óliver Torres (60')

16  Herrera 

11  Tello

9  Jackson Martínez (c)

8  Brahimi 


Suplentes

25  Andrés Fernández

7  Quaresma

10  Quintero 
(46' Herrera)

15  Evandro 
(77' Brahimi)

18  Adrián López

36  Rúben Neves 
(46' Marcano)

99  Aboubakar


Treinador

Julen Lopetegui

dom, 5 outubro 2014 • 18:00
Estádio: Dragão, Porto
Assistência: 37.103
FC Porto
7.ª jornada
Sporting de Braga
225'  Martins Indi  59'  Quintero 
132'  Zé Luís 
Árbitro: Pedro Proença (Lisboa)
Assistentes: Paulo Soares e André Campos
4.º Árbitro: Luís Ferreira

92  Matheus

15  Baiano (57')

33  Aderlan Santos (c)

6  André Pinto

3  Tiago Gomes

19  Danilo

25  Pedro Tiba (71')

14  Rúben Micael 

90  Pardo

20  Zé Luís 

18  Rafa


Suplentes

1  Kritciuk

2  Sasso

7  Salvador Agra

17  Éder 
(79' Zé Luís)

23  Pedro Santos 
(72' Rúben Micael)

27  Custódio

30  Alan 
(86' Pedro Tiba)


Treinador

Sérgio Conceição

05-10-2014

Quintero abriu o cofre

​Colombiano saltou do banco para resolver o jogo com o Sporting de Braga (2-1)


Num encontro emocionante e com ambas as equipas em busca dos três pontos, o FC Porto foi superior e conseguiu vencer o Sporting de Braga por 2-1, passando agora a somar 15 pontos e subindo ao segundo lugar da Liga portuguesa. Quintero saiu do banco ao intervalo (juntamente com Rúben Neves) para abrir o cofre dos três pontos, com o golo decisivo, aos 59 minutos, depois do empate que se registava ao intervalo.

O Sporting de Braga entrou em campo com uma estratégia bem definida: pressão a todo o campo, com ênfase na saída portista para o ataque, e contra-ataques cirúrgicos. A estratégia resultou durante cerca de meia hora em que o encontro foi muito dividido, mas o FC Porto chegou primeiro ao golo. O canto apontado por Tello, aos 25 minutos, foi desviado por Maicon ao primeiro poste e, no segundo, Martins Indi limitou-se a empurrar, fazendo o seu primeiro golo com a camisola portista.

A melhor oportunidade para os forasteiros surgiu logo depois, com Pardo a atirar por cima, mas a partir daí o FC Porto pegou definitivamente no jogo e Danilo, aos 32 minutos, no coração da área, perdeu o tempo de remate para fazer o 2-0. O velho aforismo "quem não marca, sofre" materializou-se logo de seguida, com os bracarenses a aproveitar uma perda de bola do meio-campo azul e branco e a isolar Zé Luís, que não falhou na cara de Fabiano. A partir daí só deu FC Porto, com Danilo a acertar na barra e Jackson a ver o golo evitado em cima da linha por Aderlan Santos. Na jogada seguinte, Alex Sandro é tocado na grande área e ficou um penálti por assinalar. Mais um para a conta desta temporada.

Ambos os treinadores sabiam que o arranque de segunda parte seria decisivo para o desfecho do encontro e Sérgio Conceição, em particular, estaria preocupado com o esforço acumulado da sua equipa. Lopetegui lançou Rúben Neves e Quintero para o meio-campo, procurando aumentar a capacidade de circulação de bola e o jogo interior. O Sporting de Braga viu-se sufocado nos primeiros 15 minutos do segundo tempo e foi precisamente no final desse período que Brahimi recebeu a bola na esquerda e descobriu o suplente Quintero no centro da área para fazer o 2-1.

Na resposta, Aderlan atirou ao poste da baliza do Fabiano, que teve ainda capacidade para defender a recarga, com a bola depois a perder-se. Na verdade, foi esse o único assomo dos forasteiros, que acusaram o desgaste, até ao apito final de Pedro Proença. O FC Porto foi capaz de controlar o andamento do jogo (a entrada de Evandro contribuiu para isso mesmo) e até foi Danilo, já nos segundos finais, a obrigar Matheus a uma defesa apertada. Num encontro que fez jus à habitual qualidade dos duelos entre as duas equipas, os Dragões foram justos vencedores.

Voltar ao Topo
FC Porto-Sp. Braga (Liga, 7.ª jornada)
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
30-06-2015

Atlético de Madrid vai exercer cláusula de rescisão de Jackson

Clube espanhol comunicou intenção esta terça-feira

Ver mais
30-06-2015

Novos equipamentos disponíveis a partir de sexta-feira

São assinados pela norte-americana New Balance com o lema “Sem Igual”​​

Ver mais
30-06-2015

​Spotify é azul e branco

​FC Porto acaba de chegar ao mais popular serviço de música em streaming do mundo

Ver mais
29-06-2015

Pinto da Costa: “É um voto de desconfiança no Conselho de Arbitragem”

​FC Porto votou a favor do sorteio dos árbitros por não acreditar em quem lidera o organismo que até agora os nomeava

Ver mais
29-06-2015

​​Taça do Mundo de Bilhar leva os 50 melhores ao Dragão Caixa

​Prova organizada pelo FC Porto foi apresentada por Jorge Nuno Pinto da Costa e Alípio Jorge no Auditório do Museu​​​

Ver mais
28-06-2015

Trabalhar sem parar, a máxima de Jordan Pitre

​Reforço francês falou pela primeira vez como jogador do FC Porto à revista “Dragões”, que em breve estará nas bancas​

Ver mais
Fechar