PT | EN | ES

34  Miguel Jiménez (c) 

283  Diego Cortés 

296  Benjamín Galindo 

87  Carlos Zamora 

15  Michelle Benítez 

18  Ángel López 

297  Óscar Macías 

302  Edson Torres 

99  Kevin Magaña 

94  Iván Gutiérrez 

89  Jesús Godínez 


Suplentes

30  Rodolfo Cota 
(46' Miguel Jiménez)

3  Carlos Salcido 
(46' Diego Cortés)

6  Edwin Hernández 
(46' Benjamín Galindo)

10  Eduardo López 
(46' Carlos Zamora)

11  Isaac Brizuela 
(77' Eduardo López)

14  Ángel Zaldívar 
(46' Michelle Benítez)

17  Jesús Sánchez 
(46' Ángel López)

21  Carlos Fierro 
(46' Óscar Macías)

25  Michael Pérez 
(46' Edson Torres)

28  Miguel Basulto 
(46' Kevin Magaña)

288  Fernando Beltrán 
(46' Iván Gutiérrez)

292  José Juan Macías 
(46' Jesús Godínez)


Treinador

Matías Almeyda

qui, 20 julho 2017 • 1:00
Estádio: Estádio Chivas, Zapopan
Chivas
SuperCopa Tecate
FC Porto
257'  José Juan Macías  84'  Carlos Fierro 
22'  Aboubakar  38'  Otávio 
Árbitro: Paul Haro
Assistentes: Salvador Gorrocino e Pablo Luna
4.º Árbitro: Diego Robles
TV: Porto Canal

1  Casillas 

2  Ricardo 

4  Felipe 

5  Marcano (c) 

3  Alex Telles 

11  Hernâni 

6  André André 

7  Óliver Torres 

8  Otávio 

10  Soares 

9  Aboubakar 


Suplentes

12  José Sá 
(35' Casillas)

13  Sérgio Oliveira 
(46' André André)

14  Mikel 
(74' Herrera)

15  Brahimi 
(46' Otávio)

16  Corona 
(46' Ricardo)

17  Maxi Pereira 
(35' Hernâni)

18  Martins Indi 
(46' Felipe)

19  Herrera 
(35' Óliver Torres)

20  Galeno 
(46' Soares)

21  Layún 
(67' Maxi Pereira)

22  Rafa 
(74' Alex Telles)

23  João Teixeira 
(67' Aboubakar)

25  Jorge Fernandes 
(81' Marcano)

41  Vaná 
(81' José Sá)


Treinador

Sérgio Conceição

20-07-2017

Bons indícios na casa do campeão mexicano

​Equipa deixou fugir vantagem de dois golos na segunda parte (2-2), mas as ideias de Sérgio Conceição estão no terreno


O FC Porto empatou na madrugada desta quinta-feira (ainda noite de quarta no México) no terreno do Chivas, o atual campeão nacional do país, por 2-2, isto após ter terminado a primeira parte a vencer por 2-0, graças a golos de Aboubakar (dois minutos) e Otávio (38). Mesmo tendo permitido a recuperação do adversário, o que mais se destacou nesta exibição dos Dragões foi o empenho em absorver as ideias do novo treinador e, especialmente na primeira parte, as mesmas tiveram resultados práticos. O cansaço e as muitas trocas nos segundos 45 minutos permitiram a recuperação do Chivas, que concretizou as duas únicas situações de perigo criadas, mas o resultado era menos importante do que a evolução exibicional no capítulo final desta digressão asteca.

Sérgio Conceição manteve oito dos titulares do jogo de há dois dias com o Cruz Azul, com destaque para a consolidação do quarteto defensivo. E aquilo a que se assistiu foi precisamente a um reforço dos princípios mostrados na partida disputada na Cidade do México: mobilidade e pressão, laterais projetados no terreno e objetividade no último terço. A três dias da estreia no Torneio Abertura da Liga mexicana, o Chivas não alinhou com grande parte dos habituais titulares e teve de recorrer a jogadores oriundos da formação, identificáveis pelos três dígitos na camisola. Porém, foi o alto nível portista que provocou dificuldades intransponíveis aos visitados.

Os Dragões chegaram à vantagem logo ao segundo minuto: o lance parecia perdido, mas a pressão e um mau corte de um defesa permitiram a Aboubakar isolar-se e finalizar. O golo madrugador deu confiança aos portistas e transmitiu intranquilidade à formação de Guadalajara: o resultado ao intervalo poderia ter sido bem gordo, já que não faltaram situações para aumentar a vantagem, nomeadamente por Otávio (rematou ao lado em posição frontal, aos 31 minutos) e Aboubakar (acertou no poste, aos 32, após cruzamento de Ricardo). Já com três substituições realizadas, o FC Porto fez o 2-0 aos 38 minutos, com o pequeno Otávio a corresponder de cabeça, no coração da área, a um cruzamento de Herrera, um dos jogadores que tinha entrado pouco antes.

O Chivas trocou todo o onze ao intervalo, colocando no terreno alguns dos seus protagonistas, mas o FC Porto continuou a dominar até ao momento do primeiro golo dos locais, apontado por José Juan Macías, aos 57 minutos, na sequência de um livre marcado rapidamente, de forma quase sub-reptícia e de legalidade mais do que discutível. Esse balão de oxigénio permitiu aos mexicanos pressionar durante os minutos seguintes, mas foi sol de pouca dura, porque os azuis e brancos, se bem que muito menos exuberantes, voltaram a equilibrar o encontro e até poderiam ter feito o 3-1, num lance individual de Sérgio Oliveira. O jogo parecia escoar-se para o fim sem grandes motivos de suspense, mas o Chivas fez o 2-2 na segunda ocasião de perigo criada, por intermédio de Carlos Fierro, após um lance bem construído. Nesse momento, já Vaná estava na baliza, numa estreia absoluta de azul e branco. As grandes penalidades não foram marcadas, como estava previsto no regulamento, face à intransigência do árbitro em ordenar a saída do campo de Sérgio Conceição, algo que não foi aceite pelo seu congénere do Chivas e velho amigo Matías Almeyda.

O teste foi assim positivo para o FC Porto, não tendo sido utilizados apenas Reyes e Danilo, que têm estado fisicamente condicionados, e o guarda-redes João Costa. Os Dragões iniciam logo após a partida a viagem de regresso a Portugal, com chegada prevista para as 16h30 desta quinta-feira, e o próximo adversário é o Vitória de Guimarães, num jogo particular agendado para as 20h30 de domingo. Há bilhetes à venda a cinco euros para a partida, que será transmitida em direto pela Sport TV 1.

Voltar ao Topo
Chivas-FC Porto (SuperCopa Tecate)
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
20-07-2017

Equipa já está no Porto e regressa esta sexta-feira ao trabalho

​Houve sessão de “selfies” no aeroporto. No horizonte está o jogo de domingo em Guimarães

Ver mais
20-07-2017

Sérgio Conceição: “Vamos estar prontos no dia 9”

​Treinador apontou já ao início da Liga, destacou “sinais positivos” da equipa e explicou a não marcação dos penáltis

Ver mais
20-07-2017

Bons indícios na casa do campeão mexicano

​Equipa deixou fugir vantagem de dois golos na segunda parte (2-2), mas as ideias de Sérgio Conceição estão no terreno

Ver mais
19-07-2017

Herrera: “Temos de nos habituar a ganhar”

​Jogo com o Chivas (1h00 de quinta-feira) lançado com ambição pelo mexicano, orgulhoso de estar com o clube no seu país

Ver mais
19-07-2017

Até já, México!

​Despedida é esta quinta-feira (1h00), no estádio do Chivas. Conheça dez pontos de ligação entre o FC Porto e o país

Ver mais
19-07-2017

Duas boas notícias no primeiro treino em Guadalajara

Danilo e Reyes já treinaram integrados com os companheiros e estão mais perto da recuperação

Ver mais
Fechar