PT | EN | ES
30-12-2017

Bolas paradas decidiram o clássico

FC Porto Fidelidade perdeu no recinto do Benfica, por 6-2, na décima jornada do campeonato


O FC Porto Fidelidade perdeu este sábado em Lisboa, frente ao Benfica, por 6-2, em partida referente à décima jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins. Na próxima ronda, a 11.ª, os campeões nacionais deslocam-se ao Pavilhão Dr. Salvador Machado, em Oliveira de Azeméis, para defrontar a Oliveirense. O encontro realiza-se no dia 7 de janeiro (domingo), às 17h30, e tem transmissão em direto no Porto Canal.

O golo de Rafa, marcado a 12 segundos do intervalo, desfez um empate que seria injusto perante a primeira parte autoritária do FC Porto. Os Dragões foram mais fortes ao longo dos 25 minutos iniciais e criaram várias oportunidades para marcar antes de Jordi Adroher, de livre direto, dar vantagem ao Benfica (10m). O mesmo Jordi Adroher não conseguiu voltar a desfeitear Carles Grau da marca de grande penalidade (18m), tal como Hélder Nunes não logrou bater Pedro Henriques na cobrança de um livre direto (19m).

Os azuis e brancos continuaram a insistir e chegaram ao empate por intermédio de Gonçalo Alves, num remate fortíssimo desferido pouco depois da linha de meio-campo (22m). À beirinha do descanso, o tal golo de Rafa deu justiça à superioridade portista no primeiro tempo. A etapa complementar foi aziaga para os campeões nacionais, que desperdiçaram mais dois livres diretos e viram os lisboetas dar a volta ao marcador com golos de Tiago Rafael (27m), Carlos Nicolia (27m e 50m) e João Rodrigues (45m e 45m), estes dois de livre direto.

“Fizemos um jogo muito bom até aos últimos três minutos. Tentámos manter a cabeça fria, mas é difícil. É difícil que os jogadores não percam a cabeça perante tantas situações anormais que aconteceram durante o jogo”, afirmou Guillem Cabestany, treinador dos Dragões, no final da partida.

FICHA DE JOGO

BENFICA-FC PORTO FIDELIDADE, 6-2
Campeonato Nacional, 10.ª jornada
30 de dezembro de 2017
Pavilhão Fidelidade, Lisboa

Árbitros: Joaquim Pinto e Luís Peixoto

BENFICA: Pedro Henriques (g.r.), Valter Neves (cap.), Carlos Nicolia, Miguel Vieira e Jordi Adroher
Suplentes: Guillem Trabal (g.r.), Diogo Rafael, João Rodrigues, Tiago Rafael e Miguel Rocha
Treinador: Pedro Nunes

FC PORTO FIDELIDADE: Carles Grau (g.r.), Ton Baliu, Hélder Nunes (cap.), Gonçalo Alves e Jorge Silva
Suplentes: Nélson Filipe (g.r.), Reinaldo García, Telmo Pinto, Rafa e Álvaro Morais
Treinador: Guillem Cabestany

Ao intervalo: 1-2
Marcadores: Jordi Adroher (10m), Gonçalo Alves (22m), Rafa (25m), Tiago Rafael (27m), Carlos Nicolia (27m e 50m), João Rodrigues (45m e 45m)

Disciplina: cartão azul para Ton Baliu (10m), Jordi Adroher (19m e 45m), Gonçalo Alves (45m), Hélder Nunes (46m); cartão vermelho para Jorge Silva (28m)

Notícias Relacionadas
17-01-2018

Cabestany: “Contem com o FC Porto para lutar até ao último dia”

Após a vitória frente ao Sporting (2-1), em partida da 12.ª jornada do Campeonato Nacional, o treinador Guillem…

Ver mais
17-01-2018

Grau segurou vitória quando a temperatura subiu

Com golos de Gonçalo Alves e Hélder Nunes, o FC Porto bateu na noite desta quarta-feira o Sporting, por 2-1, e…

Ver mais
17-01-2018

Edo Bosch foi homenageado e agradeceu aos adeptos

Edo Bosch foi homenageado esta quarta-feira, antes do início do jogo entre o FC Porto e o Sporting, a contar para a 12.ª…

Ver mais
Fechar