PT | EN | ES
18-03-2017

Leão devorado, Dragão apurado

FC Porto Fidelidade goleou o Sporting (8-3) e segue para os oitavos de final da Taça de Portugal


O clube detentor da Taça de Portugal começou da melhor forma a defesa do troféu conquistado em junho do ano passado ao Benfica​. Foi com uma vitória incontestável sobre o Sporting por 8-3, na tarde deste sábado, no Dragão Caixa, que o FC Porto Fidelidade garantiu o apuramento para os oitavos de final da competição, depois de 50 minutos de jogo em que foi quase sempre superior e em que teve em Hélder Nunes e Gonçalo Alves as suas figuras maiores - ambos marcaram três golos cada um, sendo que Vítor Hugo e Rafa apontaram os restantes.

Neste segundo clássico da temporada entre as duas equipas depois do empate a três, em Lisboa, na primeira volta do Campeonato, entraram melhor os portistas que, mais personalizados e dominadores, fizeram refletir bem cedo essa superioridade no marcador. Ao fim de cinco minutos já venciam por dois golos de diferença, ambos com a assinatura de Hélder Nunes: o primeiro num livre direto executado de forma superior e o segundo num remate rasteiro que surpreendeu o guarda-redes dos lisboetas. Começava aí um duelo particular entre os dois e em que o capitão portista começou por levar a melhor, já que ao minuto 16, bateu Ângelo Girão pela terceira vez no encontro na sequência de um livre direto convertido, mais uma vez, com a classe que só está ao alcance os melhores.

Estava bem melhor o FC Porto nesta altura, intenso, pressionante a ganhar muitas bolas nas zonas adiantadas, o que fez o Sporting experimentar algumas dificuldades iniciais. O seu treinador, Paulo Freitas, que aqui se estreava no banco, percebeu isso, pediu um desconto de tempo e alterou a estratégia, o que acabou por dar algum equilíbrio ao jogo. E foi nessa altura que Sergi Miras, através de uma grande penalidade, reduziu a desvantagem lisboeta para 3-1. Era esse o resultado que se verificava ao intervalo, mas que poderia ser mais dilatado, uma vez que os Dragões dispuseram de duas excelentes ocasiões para aumentar a contagem.

Na segunda parte, a primeira oportunidade de perigo pertenceu ao Sporting - livre direto que Pedro Gil não foi capaz de ultrapassar Nélson Filipe - , mas foram os portistas a chegar ao quarto golo, com a assinatura de Rafa, na conclusão de uma bela jogada de Reinaldo Garcia. A resposta dos leões não demorou: Caio reduziu para 4-2 e Pedro Gil, logo a seguir, voltou a ver o guardião portista a negar-lhe o golo, por duas vezes, num livre direto.

Não marcaram os leões, marcaram os Dragões a dobrar: Vítor Hugo foi o autor do quinto golo e depois foi Gonçalo Alves a converter uma grande penalidade que deu aos anfitriões uma confortável vantagem de quatro golos quando estavam decorridos 41 minutos de jogo. A vitória portista prenunciava-se e o tempo que restava para o último soar da buzina serviu apenas para dar outro volume ao resultado: Sergi Miras, de penalti, apontou o terceiro do Sporting, antes de Gonçalo Alves imitar Hélder Nunes e chegar ao hat trick na partida em apenas dois minutos: primeiro, na sequência de uma transição rápida desenhada por Telmo Pinto; depois, na conversão de uma grande penalidade.

As duas equipas voltam a encontrar-se no Dragão Caixa a 20 de maio, em jogo da 22.ª jornada do Campeonato. As atenções da equipa de Guillem Cabestany centram-se, agora, na 18.ª ronda que contempla uma deslocação ao pavilhão do Valença. A partida está agendada para as 21h30 do próximo sábado e terá transmissão em direto e em exclusivo no Porto Canal.

FICHA DE JOGO

FC PORTO FIDELIDADE-SPORTING, 8-3
Taça de Portugal, 16 avos de final
18 de março de 2017
Dragão Caixa, no Porto

Árbitros: Paulo Rainha e Júlio Teixeira (Minho)

FC PORTO FIDELIDADE: Nelson Filipe (g.r.), Hélder Nunes, Reinaldo Garcia, Gonçalo Alves e Rafa
Jogaram ainda: Telmo Pinto, Jorge Silva, Vítor Hugo e Ton Baliu
Treinador: Guillem Cabestany

SPORTING: André Girão (g.r.); Esteban Ábalos, Pedro Gil, João Pinto (cap.) e Caio
Jogaram ainda: Daniel Oliveira, André Centeno e Sergi Miras
Treinador: Paulo Freitas

Ao intervalo:3-1
Marcadores: Hélder Nunes (4m, 5m, 18m), Sergi Miras (19m e 46m), Rafa (33m), Caio (35m), Vítor Hugo (36m), Gonçalo Alves (41m, 49m, 50m)

Disciplina: cartão azul a Esteban Abalos (3m), Daniel Oliveira (16m), Ferran Font (46m) e Rafa (46m)

VÍDEOS FOTOS
FC Porto Fidelidade-Sporting (Taça de Portugal, 16 avos de final)
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Facebook Twitter Pinterest Share
Notícias Relacionadas
27-05-2017

Dois “hat-tricks” valem um ponto em Oliveira de Azeméis

O jogo grande da jornada 23 do Campeonato de hóquei em patins terminou com seis golos para cada lado: FC Porto…

Ver mais
25-05-2017

Bilhetes para a deslocação a Oliveira de Azeméis já à venda

​Já estão à venda, na Loja do Associado do Estádio do Dragão, os bilhetes para o jogo entre a Oliveirense e o FC Porto,…

Ver mais
25-05-2017

Jorge Silva e um jogo “decisivo” em casa da Oliveirense

​O Campeonato Nacional de hóquei em patins entra na fase decisiva e a 23.ª jornada vai levar o FC Porto Fidelidade até…

Ver mais
Fechar