PT | EN | ES
02-06-2018

Dragões derrotados no clássico de hóquei

FC Porto perdeu por 4-3 frente ao Sporting, na 25.ª e penúltima jornada do Campeonato


O FC Porto Fidelidade perdeu na tarde deste sábado o clássico da 25.ª jornada do Campeonato Nacional de hóquei em patins, frente ao Sporting (4-3), resultado que permite à equipa lisboeta festejar o título.

No Pavilhão João Rocha, em Lisboa, a equipa da casa cedo se adiantou na partida. Cinco minutos de jogo e Caio inaugurou o marcador, golo esse que alterou pouco a forma de jogar que as duas equipas tinham apresentado até então.

Os primeiros 25 minutos foram muito táticos, com ambas as formações na expectativa, mais a pensar em como anular o adversário do que em chegar ao golo. Nos raros momentos em que jogo abria, havia perigo junto das balizas, mas, quer Grau, quer Girão chegaram para praticamente tudo.

A igualdade ao intervalo foi fixada aos 22 minutos, por Hélder Nunes, após uma boa assistência de Jorge Silva. Na cara do golo o 78 não falhou, festejou com os muitos adeptos portistas que foram a Lisboa e apontou para o escudo da camisola que nesta tarde foi laranja. Queria mais o capitão!

E a verdade é que no segundo tempo não faltaram oportunidades para os Dragões passarem para a liderança. Gonçalo Alves, Hélder Nunes e Rafa foram os principais atiradores, mas os duelos acabaram sempre ganhos pelo guarda-redes leonino.

Foi precisamente no melhor período dos portista que o Sporting acabou por resolver a partida.Pedro Gil fez dois golos e pelo meio Ferran Font outro, que fizeram valer de pouco os tentos de Gonçalo Alves (4-2) e Rafa (4-3), este já numa fase em que os Dragões jogavam sem guarda-redes, com cinco jogadores no ataque.​

FICHA DE JOGO

SPORTING-FC PORTO, 4-3
Campeonato Nacional, 25.ª jornada
2 de junho de 2018
Pavilhão João Rocha, Lisboa

Árbitros: José Pinto e Rui Torres

SPORTING: André Girão, Ferran Font, Caio, Matias Platero e Toni Perez
Jogaram ainda: Pedro Gil, João Pinto (cap.), Vítor Hugo e Henrique Magalhães
Treinador: Paulo Freitas

FC PORTO FIDELIDADE: Carles Grau (g.r), Hélder Nunes (cap.), Reinaldo García, Rafa e Gonçalo Alves
Jogaram ainda: Ton Baliu, Jorge Silva e Telmo Pinto
Treinador: Guillem Cabestany

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: Caio (5m), Hélder Nunes (22m), Pedro Gil (38m e 47m), Ferran Font (43m), Gonçalo Alves (46m) e Rafa (49m)

Disciplina: cartão azul a Toní Perez (35m)

Notícias Relacionadas
20-06-2018

Nélson Filipe: "Um clube como o FC Porto vive de títulos

​Nélson Filipe é um exemplo de longevidade no FC Porto. O guarda-redes português chegou ao clube em 2000, ainda com…

Ver mais
19-06-2018

Sinto-me com muita força e vontade para continuar

​Reinaldo García marcou o golo decisivo para a conquista da Taça de Portugal, frente ao Valongo, a 36 segundos do final…

Ver mais
18-06-2018

Pinto da Costa: "Vamos continuar na onda das vitórias

​A equipa de hóquei em patins do FC Porto foi esta segunda-feira ao Museu FC Porto entregar a Taça de Portugal…

Ver mais
Fechar