FCP logo
0

Pepe considera que o capitão benfiquista deveria ter sido expulso no empate a um no Dragão

Pela primeira vez em quase dois anos, o FC Porto dividiu pontos com o Benfica (1-1) e viu ser quebrada uma série de quatro triunfos seguidos sobre os encarnados e de dez vitórias consecutivas em todas as competições. No final da partida, Pepe era o rosto da frustração portista com o empate: “É inaceitável o Pizzi acabar o jogo. Acabámos com um a menos, o Taremi é bem expulso e o Pizzi também devia ser”. Na opinião do dono da braçadeira azul e branca, e através de Marega, os Dragões dispuseram da “melhor ocasião” da partida para vencer, situação que demonstrou o “espírito fantástico” de uma equipa em inferioridade numérica.

Adversário respeitoso e beneficiado
“Acho que o Benfica demonstrou o respeito que tem pela nossa equipa. Tentámos fazer o nosso jogo, em algumas partes conseguimos impor o nosso ritmo. Sabíamos que ia ser extremamente difícil, por termos feito 120 minutos na Madeira. Mas isso não é desculpa, queríamos ganhar. Mesmo com dez procuramos sempre a baliza adversaria, tivemos uma das melhores ocasiões pra fazer o 2-1 pelo Marega. Isso demonstra o espírito fantástico que há neste grupo. O nosso clube e o nosso treinador tentam sempre ser fiéis as suas ideias. Onde quer que vamos, vamos com tudo para ganhar. Jogámos em casa e queríamos ganhar porque recuperávamos pontos para o primeiro lugar. Não foi possível. Queria deixar uma nota lamentável, é inaceitável o Pizzi acabar o jogo. Acabámos com um a menos, o Taremi é bem expulso e o Pizzi também devia ser."

Com menos um em defesa do FC Porto
Tentámos defender o nosso clube da melhor maneira possível, com dez ou com onze e estamos de parabéns pelo esforço que fizemos. Somos uma equipa bem trabalhada. A melhor ocasião que as equipas tiveram foi a do Marega, com menos um, para acabar o jogo. Há que realçar o grande trabalho que fizemos. Agora é descansar porque temos um titulo para disputar na Taça da Liga. Nos já jogámos contra o Sporting e Benfica e tivemos dois empates. Eles ainda não jogaram entre si. Temos de continuar a trabalhar, estamos em todas as frentes. Somos competitivos e vamos sê-lo ate ao fim. Espero que possamos acabar a época em primeiro e alcançar o máximo de títulos possível.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.