FCP logo
0

Extremo colombiano elogiou a atuação da equipa portista na vitória caseira (3-0) face ao Famalicão, na oitava ronda da Liga NOS

O FC Porto alcançou uma vitória concludente (3-0) contra o Famalicão, no Estádio do Dragão, em partida da oitava jornada do campeonato, regressando dessa forma à liderança da prova. Luis Díaz, autor do primeiro golo do encontro, destacou a abordagem feita pelos Dragões no duelo desta noite, mostrando-se ainda feliz por estar “num grande clube como o FC Porto” e a “fazer bem as coisas”. Fábio Silva, que fechou o triunfo portista tornando-se no mais jovem jogador da história do clube a marcar no campeonato, não escondeu a felicidade pelo momento vivido.

Luis Díaz
“Sabíamos que ia ser um jogo muito difícil, mas a nossa capacidade e compromisso com a equipa, quer dos jogadores quer da equipa técnica, fizeram a diferença. Contrariámos todas as mais-valias do Famalicão e ganhámos muito bem. Todo o grupo está de parabéns e agora há que continuar assim. Estou muito contente por estar a jogar num grande clube como o FC Porto e a fazê-lo bem. Tento sempre dar o melhor em prol da equipa e fazer bem as coisas.”

Fábio Silva
“Isso dos recordes não é o mais importante. O que mais importa é poder ter ajudado a equipa com o meu trabalho e o golo vem por acréscimo. Estou muito feliz e agora é continuar a trabalhar para mais coisas boas virem. Depois de fazermos um bom trajeto de vitórias no campeonato, a motivação de poder passar para a frente é motivação extra e penso que isso nos deu muita fora para agora podermos estar em primeiro lugar. Agora não queremos deixar cair, queremos manter. Importante é ter entrado bem e com vontade de ajudar. Como disse, o golo foi uma consequência do meu trabalho. Era uma coisa que queria há muito tempo. Estava habituado a ver o jogo de fora, mas sentir a adrenalina por dentro é diferente. Quero agradecer o apoio dos adeptos.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.