FCP logo
0

Poste norte-americano, de 26 anos, chegou ao FC Porto no verão do ano passado

Tanner McGrew renovou contrato com o FC Porto por duas épocas, estendendo o vínculo que o liga ao clube até 2022. O poste norte-americano de 26 anos e 2,03m, internacional pela seleção sénior dos Estados Unidos, chegou ao FC Porto no verão do ano passado e rapidamente se assumiu como uma das grandes figuras do coletivo comandado por Moncho López.

No primeiro jogo oficial de 2019/20, Tanner McGrew (17 pontos e 13 ressaltos) foi o MVP frente à bicampeã nacional Oliveirense (92-69) e ajudou o FC Porto a iniciar a temporada com a conquista da Supertaça. No dia 2 de novembro de 2019, porém, o poste lesionou-se gravemente no triunfo portista frente ao Lusitânia, nos Açores, na quinta jornada da Liga Portuguesa de Basquetebol.

Quando faltavam menos de dois minutos para o intervalo, Tanner McGrew embateu contra um colega de equipa ao tentar resgatar um ressalto ofensivo e sofreu uma fratura diafisária da tíbia e perónio da perna esquerda. Nessa altura, Tanner McGrew era um elemento preponderante na equipa, com médias de 14,4 pontos, 10,4 ressaltos e 4,8 assistências por jogo no campeonato.

À FC Porto TV e ao Porto Canal, o número 15 do basquetebol dos Dragões mostra-se “muito entusiasmado” por continuar ao serviço de “um grande clube, com uma longa história de sucesso”. Na ótica de Tanner, se a equipa não sofrer com uma nova vaga de lesões, os portistas poderão “competir por todas as taças e pelo campeonato”.

História de sucesso para manter
“Estou muito entusiasmado por voltar este ano. O FC Porto é um grande clube, com uma longa história de sucesso e eu espero que possamos contribuir para que isso continue.”

Lesão interrompeu o entrosamento com a equipa
“Antes da lesão sentia que estava a melhorar jogo após jogo, a conhecer melhor os meus colegas de equipa e o treinador Moncho López. Agora tenho que voltar a esse ritmo e esperemos poder voltar a triunfar na próxima temporada.”

Recuperação dura para voltar à melhor forma
“Trabalhei no duro com o Departamento de Saúde, tem sido uma longa caminhada mas espero poder regressar à melhor forma para voltar a jogar na próxima época.”

Objetivo é ganhar todas as competições nacionais
“Sinto-me confiante de que, mantendo-nos saudáveis, podemos competir por todas as taças e pelo campeonato, sem dúvida.”

Debaixo dos cestos do Arena não há egoísmo
“O maior atributo da nossa equipa é não termos jogadores egoístas. É muito raro, quando jogamos numa equipa de basquetebol profissional com atletas de todo o mundo, existir um grupo de jogadores que apenas pensam em jogar como equipa. Já no ano passado era a nossa melhor arma e agora vai continuar, porque estamos todos dispostos a partilhar a bola e a fazer todos os possíveis tendo como principal objetivo a vitória.”

Ansioso por voltar à cidade onde se sente em casa
“Estou muito agradecido a todos os que me contactaram e apoiaram durante esta lesão. Foi um dos períodos mais difíceis da minha vida, porque eu adoro jogar basquetebol e ficar de fora é difícil. Mas ter toda a gente a apoiar-me, gente de todo o lado preocupada comigo para eu poder jogar basquetebol… É muito importante e ajuda-me muito a continuar a trabalhar e a dar passos em frente. Da minha parte e da minha mulher, estamos ambos muito ansiosos por voltar ao Porto porque lá sentimo-nos em casa. Pessoalmente, desejo que continuemos a trabalhar muito para competirmos e termos sucesso durante toda a temporada. Obrigado a todos e até breve!”. 

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.