FCP logo
0

Sérgio Oliveira foi a voz do grupo na antevisão do Marselha-FC Porto a contar para a quarta jornada do Grupo C da Liga dos Campeões (quarta-feira, 20h00)

Sérgio Oliveira foi o jogador escolhido para acompanhar Sérgio Conceição na conferência de imprensa de antevisão do Marselha-FC Porto, que se disputa esta quarta-feira (20h00, TVI/Eleven Sports), no Stade de Marseille, em França. Na projeção de mais um desafio europeu, referente à quarta jornada do Grupo C da Liga dos Campeões, o médio portista garantiu que o foco dos Dragões está em somar a terceira vitória em quatro jogos, de forma a dar mais um passo importante no caminho para os oitavos de final. No arranque da segunda volta desta fase de grupos, o FC Porto é segundo classificado, com seis pontos, menos três do que o líder Manchester City, enquanto o Marselha está na quarta e última posição, ainda sem qualquer ponto somado. O Olympiacos segue no terceiro lugar, com três pontos.

Ganhar para ficar mais perto dos “oitavos”
“Vamos entrar com o espírito que nos caracteriza e com máxima intensidade. Vamos ser uma equipa trabalhadora e que coloca exigência nela própria, com uma vontade enorme de ganhar. O nosso objetivo é ganhar e ficar perto de passar aos oitavos de final. O Marselha vai querer entrar forte, mas estamos precavidos para isso e temos vindo a trabalhar bem para este jogo. Independentemente de como o Marselha entrar, temos de ser fiéis aos nossos princípios, pois queremos ganhar.”

Duas equipas que querem muito a vitória
“O treinador do Marselha, depois do jogo no Dragão, disse que queriam limpar a imagem que têm deixado na Liga dos Campeões, pois isso vão dar tudo por tudo, até porque é um jogo de vida ou de morte para eles e vão querer os três pontos. Mas vão ter pela frente uma equipa que também quer os três pontos, por isso prevejo um jogo bem disputado.”

O bom momento e a veia goleadora
“Nada vale se o trabalho não for contínuo. Estou contente pelo arranque da época, mas tenho um longo caminho pela frente, com muito trabalho. Espero continuar nesta senda de golos e, principalmente, de vitórias. O mister ajudou-me muito na chegada à área e tenho mais intensidade em todos os aspetos. Os golos são a sequência do trabalho. Se marcar e a equipa ganhar, mais contente fico.”

Os benefícios da paragem
“Creio que esta paragem foi boa para trabalhar aspetos que uma equipa que está em todas as frentes não tem habitualmente tempo para trabalhar. O mister pode falar melhor do que eu, mas a equipa está com as ideias mais cimentadas e o trabalho, claro, ajuda. Vamos enfrentar o Marselha e temos todas as condições para sair vitoriosos do jogo.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.