FCP logo
0

FC Porto venceu o ABC, em Braga, por 33-22, em jogo da 16.ª jornada do campeonato

O FC Porto deslocou-se a Braga para vencer o ABC por 33-22 e somar a 16.ª vitória em outros tantos jogos, seguindo imparável na liderança do campeonato, agora com 48 pontos.

Apesar de os bracarenses terem inaugurado o marcador, os Dragões controlaram a partida desde cedo, com destaque para as mãos quentes de André Gomes e Miguel Alves, com três e quatro golos, respetivamente, e para a prestação de Alfredo Quintana na baliza, a impedir que o ABC se aproximasse em demasia no marcador. Ainda assim, nota para os cinco golos de André José na primeira parte, um dos responsáveis pelo 8-14 com que as equipas foram para os balneários.

No segundo tempo a história manteve-se com o FC Porto atento e competente a controlar o encontro, ainda que o ABC conseguisse, por vezes, reduzir a desvantagem, mas nunca para menos de cinco golos. O destaque negativo deste período foi a lesão de Martim Costa, que saiu de campo com queixas no joelho.

No final, Magnus Andersson era um treinador satisfeito com o resultado e desapontado pelo problema físico do jovem atleta: "Estamos contentes pela vitória e por podermos ter feito descansar alguns jogadores. O Alfredo e toda a defesa esteve muito bem e o ponto negativo foi a lesão do Martim". 

Terça-feira regressa a Liga dos Campeões e o FC Porto joga na Polónia com o VIVE Kielce (17h45, FC Porto TV/Porto Canal).

FICHA DE JOGO

ABC-FC PORTO, 22-33

Andebol 1, 16.ª jornada
7 de fevereiro de 2021
Pavilhão Flávio Sá Leite, em Braga

Árbitros: Eurico Nicolau e Ivan Caçador

ABC: Carlos Oliveira, Tiago Ferreira e Cláudio Silva (g.r.); Sebastián Ceballos (2), Gonçalo Guimarães, Predrag Rodic (4), Arsenashvili Erekle (3), André José (8), Bruno Machado, Hugo Manso, Tomas Teles (2), André Rei (2), Diogo Silva e João Fernandes (1)
Treinador: Jorge Rito

FC PORTO: Alfredo Quintana e Nikola Mitrevski (g.r.); Victor Iturriza (5), Manuel Spath, Miguel Martins, Djibril M’Bengue (2), Rui Silva (2), Daymaro Salina (3), Ivan Sliskovic (1), Leonel Fernandes (1), Diogo Branquinho, António Areia, André Gomes (5), Miguel Alves (9), Martim Costa (4) e Fábio Magalhães (1)
Treinador: Magnus Andersson

Ao intervalo: 8-14

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.