FCP logo
0

FC Porto bateu o Vitória de Setúbal (29-22) na quarta jornada do Andebol 1 e continua 100% vitorioso

Aí vão quatro vitórias em outros tantos jogos no Andebol 1 para o FC Porto, que nesta quarta-feira triunfou em casa do Vitória de Setúbal, por 29-22, na quarta jornada da prova. Os azuis e brancos mantêm-se assim no topo da tabela com 12 pontos somados em 12 possíveis.

Num Pavilhão Antoine Velge bem composto, a primeira parte foi amplamente dominada pelo FC Porto, que contou com a inspiração de Diogo Branquinho para construir uma vantagem considerável no caminho para o intervalo (15-7). O ponta esquerda portista marcou sete golos nos 30 minutos iniciais, tantos quantos os sadinos.

O quarto triunfo consecutivo dos campeões nacionais na principal competição interna consumou-se com toda a naturalidade, sendo apenas de lamentar a expulsão de Magnus Andersson, um exemplo para todos na modalidade e no desporto em geral, por contestar uma das muitas decisões absurdas da equipa de arbitragem. Apesar do péssimo trabalho de André Gameiro e Renato Marques, os Dragões venceram tranquilamente por 29-22 e tiveram em Diogo Branquinho (7 golos) o melhor marcador.

O FC Porto volta a entrar em campo no próximo sábado, às 18h30 (FC Porto TV/Porto Canal), no Dragão Arena, frente ao Belenenses, em jogo da quinta jornada do Andebol 1.

FICHA DE JOGO

VITÓRIA DE SETÚBAL-FC PORTO, 22-29
Andebol 1, 4.ª jornada
6 de outubro de 2021
Pavilhão Antoine Velge, em Setúbal

Árbitros: André Gameiro e Renato Marques

VITÓRIA DE SETÚBAL: Alexandre Moura, Craig Mcclelland e Danilo Mihaljevic (g.r.); Duarte Pereira, Gabriel Cavalcanti (2), Artur Pereira, Rafael Paulo (1), Elias Bahna (2), Nuno Gonçalves (1), Guilherme Tavares (1), Nuno Roque (3), Rúben Santos (5), Pedro Martins (2), Lucas Barros (1), Gonçalo Grácio (3) e Francisco Silva (1)
Treinador: Luís Monteiro

FC PORTO: Sebastian Frandsen e Diogo Rêma (g.r.); Pedro Valdés (3), Victor Iturriza (3), Pedro Cruz (4), Diogo Oliveira, Djibril M’Bengue (1), Rui Silva (1), Daymaro Salina (2), Ivan Sliskovic (1), Leonel Fernandes (4), Diogo Branquinho (7), Diogo Silva (1), Miguel Alves (1), Jesus Hurtado e Fábio Magalhães (1)
Treinador: Magnus Andersson

Ao intervalo: 7-15

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.