FCP logo
0

Ivan Sliskovic perspetiva o FC Porto-PSG, da Liga dos Campeões de andebol (quinta-feira, 19h45)

Em tempos de Liga dos Campeões de futebol, o Dragão Arena volta a ser palco da prova equivalente do planeta andebolístico. Às 19h45 desta quinta-feira (FC Porto TV/Porto Canal), FC Porto e Paris Saint-Germain tornam a medir forças precisamente uma semana depois da atípica sétima jornada do grupo B na cidade das luzes. Na receção ao heptacampeão francês, Ivan Sliskovic quer “demonstrar que não é essa a imagem do FC Porto” e “fazer um jogo melhor, como contra o Barcelona”. “Precisamos de cometer muito menos erros no ataque, porque é nisso que se baseia o jogo deles”, afirma o lateral croata confiante num bom resultado: “Acredito que vamos estar bem”.

Nada está perdido
“Tivemos um mau jogo em Paris na semana passada e queremos demonstrar que não é essa a imagem do FC Porto. Vamos dar o nosso melhor esta quinta-feira e espero que possamos fazer um jogo melhor, como contra o Barcelona, e a partir daí veremos. Neste grupo as equipas ganham todas umas às outras, por isso nada está perdido, vamos lutar até ao fim e procurar a melhor solução possível para nós.”

Uma vez sem exemplo
“Foi um daqueles jogos que às vezes acontecem. Nada nos correu bem, os remates vão todos para fora, os passes saem todos mal… fizemos todos um jogo muito mau e isso não voltará a acontecer agora. Precisamos de cometer muito menos erros no ataque, porque é nisso que se baseia o jogo deles. Se cometermos erros eles marcam golos fáceis e não há melhor forma de ganhar do que essa. A nossa defesa também tem de melhorar, mas eu acredito que vamos estar bem.”

Vincent Gérard, o guardião adversário
“É um grande jogador, representa a seleção nacional francesa e toda a gente sabe que não é qualquer um que joga no PSG. Precisamos de estar mais concentrados na finalização, porque contra o Barcelona rematámos bem e conseguimos um resultado melhor.”

Lotação esgotada uma semana antes
“Quero agradecer aos muitos adeptos que nos vieram apoiar a Paris. Foi um apoio extraordinário e isso deixam-me ainda mais triste pelo resultado. No Dragão Arena o ambiente também tem sido fantástico e também tenho de agradecer às pessoas que nos vêm apoiar todos os jogos, não só os da Liga dos Campeões. Com a ajuda deles podemos conseguir um bom resultado contra o PSG na quinta-feira.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.