FCP logo
0

Joana Resende anteviu os dois duelos que a AJM/FC Porto vai jogar no próximo fim de semana

O próximo fim de semana será de grande carga para a AJM/FC Porto. As azuis e brancas recebem, no sábado, o Sports Madeira, numa partida a contar para a Taça de Portugal (17h30, Porto Canal/FC Porto TV) e, no domingo, o Vitória de Guimarães em mais uma jornada do campeonato (16h30, Porto Canal/FC Porto TV). Em antevisão a estes dois jogos, Joana Resende começou por salientar que “são dois jogos diferentes” em duas competições em que as portistas têm “muita responsabilidade”. No jogo da Taça, terão pela frente “uma equipa de um escalão inferior, mas que tem as suas qualidades”, enquanto no domingo há “um jogo de extrema importância como têm sido todos porque não há jogos fáceis nesta fase do campeonato”. O objetivo, no panorama geral, é o mesmo de sempre: “No início da época propusemo-nos a alcançar quatro títulos, infelizmente o da competição europeia já não é possível porque já não estamos a disputar a prova, mas conquistar as competições internas - que são a Supertaça, que já conquistamos, a Taça de Portugal e o campeonato nacional - são objetivos que queremos atingir".

As duas partidas no horizonte da AJM/FC Porto
“É assim o esquema competitivo e as equipas têm de se adaptar a ele. São dois jogos diferentes. Amanhã jogamos com o Sport Madeira, que é uma equipa de um escalão inferior, mas que tem as suas qualidades e é uma partida a contar para a Taça de Portugal, que é um dos nossos objetivos para esta época, e que infelizmente no ano passado não conseguimos alcançar. Temos de ser o mais responsáveis possível porque é uma eliminatória a eliminar e, se quisermos seguir em frente na prova, temos de ganhar. No domingo, jogamos contra o Vitória de Guimarães para o campeonato, um jogo de extrema importância como têm sido todos porque não há jogos fáceis nesta fase do campeonato. É um adversário que tem subido o nível e tem apresentado um voleibol muito bom e que vem em busca da vitória. Nós vamos tentar contrariar isso para continuarmos a somar pontos e ficarmos nos quatro primeiros, que é o nosso objetivo.”

A intensa carga competitiva em dois dias
“Não é uma situação nova, estamos habituadas a vários fins de semana com jornadas duplas, isso exige de nós uma grande concentração, mas temos que estar habituadas porque já sabíamos que o esquema competitivo ia ser assim. Estudámos os dois adversários e vamos virar a ficha de sábado para domingo porque é uma competição diferente, um adversário diferente e temos muita responsabilidade nas duas competições.”

O objetivo de vencer a Taça
“A Taça de Portugal é um objetivo muito importante. Aliás, no início da época propusemo-nos a alcançar quatro títulos, infelizmente o da competição europeia já não é possível porque já não estamos a disputar a prova, mas conquistar as competições internas - que são a Supertaça, que já conquistamos, a Taça de Portugal e o campeonato nacional - são objetivos que queremos atingir. A Taça tem esta particularidade de não premiar a regularidade das equipas porque são jogos a eliminar, mas costumamos dizer que é a festa da Taça e queremos continuar na competição.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.