FCP logo
0

Central de 19 anos já atuou em 33 jogos pelos Sub-19 esta temporada

O FC Porto e David Vinhas acertaram a renovação do contrato que passa a ligar as duas partes até 2026. O central de 19 anos cumpriu quase toda a formação no clube portista, ao qual chegou em 2016 para representar os Sub-15.

O jovem, nascido em Santo Tirso a 28 de março de 2003, cumpriu várias dezenas de jogos nos escalões jovens do clube e, esta temporada, capitaneou os Sub-19, pelos quais cumpriu 33 dos 37 encontros disputados (27 no Campeonato Nacional de Juniores A e seis na Youth League), tendo marcado por três vezes.

David Vinhas conta também no currículo com convocatórias para as seleções nacionais de Sub-15, Sub-16 e Sub-17, pelas quais disputou um total de nove jogos e marcou um golo.

O orgulho por continuar de Dragão ao peito
“Era algo que ambicionava há muito tempo, sempre foi o meu desejo e agora que se concretizou, estou muito feliz. Esta sempre foi a minha casa desde os 13 anos de idade e é um sentimento de muito orgulho, quero continuar aqui por muitos anos.”

A responsabilidade de ser capitão
“Seguindo os exemplos dos maiores capitães que já passaram neste clube, é uma responsabilidade muito grande e não me acarreta nada de especial, porque sempre tive o sentimento de líder dentro de mim. Influenciar os meus colegas de equipa é sempre bom e é muito bom ser capitão.”

A definição de jogador à Porto
“Um jogador que não desiste, que luta até ao fim, que dá tudo em todos os jogos e tem a mística do Dragão, da qual muita gente fala. Sinto-me assim.”

As metas para o futuro e o exemplo de Pepe
“Neste momento, o meu objetivo é ser campeão nacional, seria o culminar de uma formação fantástica que cumpri neste clube. Passando para o futebol profissional, claro que temos o exemplo do nosso capitão, o Pepe, e gostava de seguir a carreira dele que, se Deus quiser, vai durar muitos anos ainda.”

A família como suporte da carreira
“Não tenho bem um ídolo, mas os meus pais sempre foram o meu suporte, a minha inspiração e eu, juntamente com eles, consegui coisas muito boas. Eles são a base da minha vida, a família é o mais importante.”

Os sonhos para cumprir de azul e branco
“Desejo alcançar títulos, como todos os jogadores querem, e no clube quero chegar à equipa principal, afirmar-me aqui, fazer muitos jogos e, se um dia pudesse jogar neste estádio e, oxalá, ser campeão nacional, seria um sonho realizado.”

A ideia indescritível de entrar num Dragão cheio com a camisola do FC Porto
“É um sentimento indescritível. O sonho de qualquer pessoa que torce por este clube é entrar neste estádio e ter os adeptos a gritar o seu nome, seja num jogo de apresentação ou se marcar um golo. Acho que isso seria um sentimento que não conseguiria explicar.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.