FCP logo
0

Central espanhol assinou por quatro épocas e diz-se “muito feliz” por voltar a vestir a camisola do FC Porto

Está oficializado o regresso de Iván Marcano ao FC Porto. Depois de uma época ao serviço da Roma, o central espanhol, de 32 anos, assinou com os Dragões um contrato válido por quatro temporadas, até 2023. Iván Marcano vai voltar a ser o 5 portista, repetindo o número que usava em 2017/18. “Este é um clube do qual provavelmente nunca devia ter saído”, confessou o central espanhol.

Felicidade plena
“Sinto-me muito feliz por voltar a este estádio e por voltar a ver gente que conheço tão bem, gente com quem passei muitas coisas. Estou muito feliz por este regresso.”

Vontade mútua
“Tinha muita vontade de regressar e o FC Porto também queria muito que regressasse. Foi 50/50, mas se calhar um pouco mais da minha parte. Regressar ao FC Porto era algo em que pensava há já muito tempo. Este é um clube do qual provavelmente nunca devia ter saído. Finalmente estou aqui e agora só quero retribuir com muitos êxitos o esforço que foi feito.”

Voltar aos Aliados
“Espero poder ajudar a equipa a ser campeã. O mister queria que viesse, toda a gente queria que viesse e creio que, com um bom trabalho, posso ajudar. Já me conhecem e espero que voltemos a ser campeões.”

Reencontro com antigos companheiros
“Já falei com alguns deles. Afinal de contas, nunca perdemos o contacto. Vi a maioria dos jogos na época passada e os companheiros que não jogaram comigo conheço-os porque os vi na televisão. É uma sorte conhecer bem o clube, os companheiros e o treinador de forma a integrar-me o mais rápido possível.”

O número 5
“O número é um detalhe, mas é um número com o qual sempre me senti seguro e confiante. Espero que tenha o mesmo sucesso que teve na última época em que o usei.”

Mensagem para os adeptos
“No que me diz respeito, quando não tens redes sociais, perdes a oportunidade de dizeres o que queres ou que pensas. Há coisas que se veem e outras que não se veem. Gostaria apenas de dizer que me sinto muito feliz por estar aqui e que é possível que me tenha equivocado ao deixar o FC Porto.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.