FCP logo
0

Os golos de Zé Luís e Luis Díaz fizeram acordar o Estádio do Dragão, mas a eficácia do Krasnodar fez a diferença

O FC Porto perdeu, esta terça-feira, com o Krasnodar por 3-2, no Estádio do Dragão, em encontro da 2.ª mão da 3.ª pré-eliminatória da Liga dos Campeões. Os Dragões reagiram na segunda metade, mas não conseguiram apagar a má primeira parte.

A tentar dar um novo alento à equipa, Sérgio Conceição fez cinco alterações no onze portista em relação ao utilizado em Barcelos: Saravia na defesa, Danilo no meio-campo e Nakajima, Luis Díaz e Marega para o último terço.

A precisar de empatar a eliminatória, os russos não demoraram muito a conseguir o primeiro golo. Na sequência de um pontapé de canto, a bola acabou por sobrar para Tony Vilhena (3m) que, ao segundo poste, inaugurou o marcador.

Apesar da má entrada, era o FC Porto que tinha mais bola e que procurava sair para o ataque, mas o Krasnodar fez da eficácia a maior arma. Após os cabeceamentos falhados de Pepe (7m e 10m), Shapi Suleymanov apareceu isolado pelo lado direito. Cirúrgico, o extremo colocou o Krasnodar em vantagem na eliminatória. Seguiu-se um aperto dos Dragões à baliza russa, que tentaram por várias vezes quebrar o enguiço, mas faltou asserto na finalização. Até ao intervalo, mais um golo dos russos e de Shapi Suleymanov (34m), que bisou na partida.

Sérgio Conceição lançou Zé Luís ainda na primeira parte (38m), Uribe estreou-se no meio-campo portista, ao render o lesionado Sérgio Oliveira (49m), e o rumo da partida mudou. Alex Telles descobriu na perfeição a cabeça de Zé Luís (57m) que reduziu a desvantagem.

O Estádio do Dragão acordou e, com isso, a clareza da equipa também. Confiantes, os portistas foram crescendo e aumentando a pressão na baliza contrária. Marega tentou no minuto seguinte, mas os festejos só chegaram aos 76 minutos. Tecatito driblou para o meio e encontrou Luis Díaz à entrada da área, que fuzilou a baliza russa. Empate na eliminatória, mas a desvantagem pertencia aos portistas.

Até ao final, o FC Porto continuou colado à área russa, mas o resultado não se alterou. Injustiça, por aquilo que os azuis e brancos fizeram nos últimos 45 minutos. Os Dragões passam para a fase de grupos da Liga Europa.


    bilhetes

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.