FCP logo
0

Basquetebolista estendeu contrato com o FC Porto até 2022

Depois das renovações do treinador Moncho López e do poste Tanner McGrew, João Soares é a mais recente figura do basquetebol do FC Porto a prolongar o contrato. Aos 30 anos, o extremo vem de uma temporada – forçosamente interrompida pela pandemia do novo coronavírus – onde participou em 22 jornadas da Liga Placard e alcançou médias de 8 pontos e 5,2 ressaltos. O atleta, que já tinha passado pelo Dragão Arena entre 2009 e 2012, regressou ao FC Porto em 2018 e agora renova o vínculo que o liga ao emblema da Invicta por mais duas épocas.

Em declarações à FC Porto TV e ao Porto Canal, o ovarense mostra-se “muito feliz” pela renovação, que “é um motivo de orgulho” por “poder continuar a vestir estas cores”. O basquetebolista de 2,02 metros define “conquistar todas as competições” como o objetivo para a temporada que se avizinha, já que “isso faz parte do ADN do nosso clube”. Aos adeptos portistas, o internacional luso em 38 ocasiões pede apoio em troca do compromisso máximo do plantel: “Continuem a apoiar-nos porque vamos dar tudo por este clube para voltarmos a ser campeões nacionais e vamos fazer de tudo para que seja já na próxima época. O que posso prometer é sempre a dedicação máxima da equipa para dar tudo em campo pelo nosso clube.”

Orgulhoso por vestir de azul e branco
“Estou muito feliz com esta renovação pelo FC Porto. Para mim é um motivo de orgulho poder continuar a vestir estas cores. Significa que o FC Porto confia em mim para ajudar a equipa a concretizar os objetivos a que se propõe, todas as épocas.”

Lesões tornaram a época difícil
“Foi uma época em que começámos muito bem, estávamos com uma excelente química de equipa e a jogar um basquetebol muito bom. Começámos por ganhar a Supertaça, um troféu sempre importante para qualquer clube. Estávamos a jogar muito bem, a ganhar muitos jogos, mas depois tivemos o azar de termos duas lesões gravíssimas no nosso plantel, em dois jogadores importantes, e foi preciso efetuarmos trocas, mudar a equipa e a maneira de jogar. Por isso foi uma época difícil, com muitas mudanças e, com toda a realidade que se está a passar agora com o Covid-19, penso que não terminar a época foi a decisão mais acertada. Porque a saúde dos jogadores e das pessoas está acima de tudo.”

Líder no balneário
“Na nossa equipa todos têm um papel importante, desde os miúdos, aos estrangeiros e aos mais velhos, sinto que tenho muita experiência nesta liga, já passei por vários clubes e posso sempre dar alguma ajuda aos mais novos, alguns conselhos aos estrangeiros, para que seja mais fácil a adaptação à nossa realidade, porque é diferente de todos os campeonatos de onde vêm. Acho que passa muito por aí, os jogadores mais experientes da nossa equipa tentarem ajudar os outros.”

ADN do FC Porto é ganhar sempre
“Os objetivos para a próxima época passam por conquistar todas as competições em que nos inserimos, isso faz parte do ADN do nosso clube, que é ganhar todas as competições em que participamos. A nível pessoal, como todos os anos, o meu objetivo passa por ajudar sempre, naquilo que for preciso, e colocar sempre o coletivo em primeiro lugar, acima de qualquer objetivo pessoal.”

Dedicação máxima em busca do título
“A minha mensagem para os adeptos é que continuem a acreditar em nós, continuem a apoiar-nos porque vamos dar tudo por este clube para voltarmos a ser campeões nacionais e vamos fazer de tudo para que seja já na próxima época. O que posso prometer é sempre a dedicação máxima da equipa para dar tudo em campo pelo nosso clube. Daqui a um ano esperamos poder estar a comemorar o título nacional.”

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.