FCP logo
0

O FC Porto foi vencer a casa do Águas Santas, por 34-18, e confirmou a conquista do 23.º título nacional

O FC Porto sagrou-se nesta sexta-feira Tricampeão nacional de andebol ao triunfar no reduto do Águas Santas, por 34-18, na 29.ª e penúltima jornada do campeonato. O 23.º título de campeão da história do andebol portista está assim carimbado a uma ronda do fim do Andebol 1, no qual o FC Porto soma 85 pontos, mais cinco do que o Benfica e mais seis do que o Sporting, que tem menos um encontro disputado.

O jogo até começou num ritmo bem elevado e com as pontarias afinadas, mas a história só se conta assim até António Campos e Nikola Mitrevski entrarem em cena, pois em muito se deve aos dois guarda-redes o 13-9 favorável ao FC Porto que se registava ao intervalo. A etapa complementar apenas acentuou a diferença entre as duas equipas e confirmou o mais do que merecido título nacional para o FC Porto, indiscutivelmente a melhor equipa do início ao fim do campeonato. Curiosamente, nos últimos oito títulos ganhos pelos Dragões, quatro foram carimbados frente ao Águas Santas, um adversário talismã para os azuis e brancos nos momentos decisivos. Diogo Branquinho (8 golos) foi o melhor marcador portista na Maia.

O FC Porto volta a entrar em campo no dia 4 de junho (sábado), às 18h00 (FC Porto TV/Porto Canal), no Pavilhão do Funchal, frente ao Madeira SAD, em jogo da 30.ª e última jornada do Andebol 1.

FICHA DE JOGO

ÁGUAS SANTAS-FC PORTO, 18-34
Andebol 1, 29.ª jornada
27 de maio de 2022
Pavilhão do Águas Santas

Árbitros: Vânia Sá e Marta Sá

ÁGUAS SANTAS: António Campos e Miguel Loureiro (g.r.); Fábio Teixeira (2), Ricardo Mourão, Pedro Seabra (2), José Barbosa (1), Mário Lourenço (6), Carlos Santos, Francisco Fontes (2), Miguel Carvalho, João Gomes (2), Rafael Azevedo, Nuno Gonçalves e Miguel Baptista (3)
Treinador: Ricardo Moreira

FC PORTO: Nikola Mitrevski, Sebastian Frandsen e Diogo Rêma (g.r.); Pedro Valdés (3), Victor Iturriza (5), Pedro Cruz (1), Diogo Oliveira (2), Djibril M’Bengue (3), Rui Silva (3), Daymaro Salina (1), Leonel Fernandes, Diogo Branquinho (8), António Areia (1), Miguel Alves (4), Jesus Hurtado (2) e Fábio Magalhães (1)
Treinador: Magnus Andersson

Ao intervalo: 9-13


    MAIS INFORMAÇÃO

    O Portal do FC Porto utiliza cookies de diferentes formas. Sabe mais aqui.
    Ao continuares a navegar no site estás a consentir a sua utilização.